Páginas

em inconstante definição.

sexta-feira, fevereiro 16, 2007

Maranhão...

Não falta mais nada. Diabos de Desciclopédia!

“Gostou? Fui eu quem fiz.”

~ José Sarney sobre Maranhão

“E a Kaiser Novo Sabor foi você quem fez.”

~ Kaiser Novo Sabor sobre José Sarney

“Não!!”

~ Povo maranhense sobre José Sarney

“Maranhão é coolzão.”

~ Indie sobre Maranhão

“... ele é um negão de tirar o chapéu...”

~ Alcione sobre Maranhão

O Maranhão, também conhecido como Sarneylândia, foi retratado em um livro especial que mostra a passada de mão que ele o "Dono do Maranhão" deu na populção.

Até o séc. XIX, era a "Atenas Brasileira" (devido ao grande número de poetas, escritores e etc...). Hoje é "Apenas Brasileira", por causa do Reggae e do Brega que profanaram o estado.

Um estado as vezes estranho, e as outras vezes também. É movido por um guaraná cor de rosa chamado Jesus.

O Maranhão já é considerado um dos estados com mais indie. Alguns dizem que o povo maranhense são os que mais falam o português certo.

Quando você for ao Maranhão e lhe oferecerem Jesus para beber, aceite, mas você não é obrigado a comer biscoito Maria (ahahaha muito foda essa!).

A Capital do Maranhão é Sarneylândia.

Barreirinhas (leia-se uma cidade fantasma com muita areia) foi palco para uma novela da Glóbulo. Em que seus atores andavam calmamente pelas ruas, como se fosse tudo lindo. Devia ser... Sarney deve ter mandado segurança pra eles.

o orgulho do estado foi o titulo dado a cidade de Codó de Capital Brasileira da Macumba, Térecô e afins

Vive em pé de Guerra com a Calypsolândia, para saber quem dança o melhor forró. E desde 1900 está em guerra declarada com a Jamaica, que tentou colonizar a cidade de São Luís, hoje conhecida como a Jamaica Brasileira.

A Terceira (a primeira é Imperatriz), e ultima cidade do Maranhão, a ilha de São Luís, é considerada a ilha de Lost pois lá pode começar a chover e parar de chover a qualquer momento; há inúmeras pessoas desconhecidas te observando e cochichando sobre a tua vida – principalmente na praia (Grande); há escotilhas que conduzem a subterrâneos misteriosos (Fonte do Ribeirão e galerias da Beira-Mar); há indícios de que houveram experimentos científicos e expedições militares fracassados (como França Equinocial, ocupação holandesa, o foguete que caiu sem nem sair da atmosfera); há inúmeros casos de naufrágios misteriosos (Batevento que afundou indo pra Alcântara); há um monstrão que persegue todo mundo, o "Sarneyzilla"! Todo mundo vive suado e com a cara cheia de óleo; todo mundo lá quer voltar para a civilização - quer dizer, pelo menos as estrelas do seriado, nada sei dos "figurantes" e dos "outros"!

2 comentários:

yara b . disse...

caralho.
sarneyzilla foi foda.

cão!

=*

Andréa disse...

precisamente.

hey, sarneidressa.

^^

=*****